quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Peixe galo com açorda de ovas



Descobri o peixe galo, ou alfaquique, em Peniche, já há muitos anos. É um peixe delicioso, de carne branca e firme. É saboroso e, quando partido às postas, só tem a espinha do meio. Também é delicioso em filetes. Nos restaurantes não é muito barato mas, se encontrarmos no mercado ou peixaria, podemos prepará-lo em casa, pois não é complicado. Peça que partam o peixe às postas, depois de arranjado, e reservem as ovas para fazer a açorda. espero que gostem desta delícia! 

Ingredientes para 4 pessoas:
1 pão médio a grande tipo saloio ou alentejano
1 peixe galo com cerca de 1,2 kg com as ovas
3 a 4 dentes de alho
1 ramo de coentros
1 fio de azeite
Farinha de milho qb
Sal qb
Óleo para fritar
Tomate ou outra salada para acompanhar

Preparação:
Reserve as postas do peixe para fritar e coloque a cabeça e ovas num tacho. Cubra de água, junte sal (pouco) e um dente de alho esmagado. Deixe cozer durante cerca de 30 minutos para formar um caldo. Depois coe o caldo e reserve-o, bem como as ovas.
Parta o pão em cubinhos para uma tigela e junte 1 a 2 dentes de alho ralados. Vá deitando o caldo do peixe e deixe o pão amolecer. Entretanto tempere o peixe com sal grosso, passe as postas por farinha de milho e frite-as em óleo quente.
Num tacho deite um fio de azeite e junte os pés dos coentros bem picados (reserve as folhas) e um dente de alho esmagado. Quando começar a "saltar", junte o pão previamente amolecido. Baixe o lume para brando. Vá mexendo tudo e juntando mais caldo de peixe até obter a consistência desejada. Se gostar de uma açorda mais macia e desfeita, deve passar tudo pelo pass-vite. Eu dexei-a macia, mas com alguns pedaços de pão, só desfiz com a colher e optei por não triturar tudo. Retifique de sal, junte as ovas desfeitas e continue a mexer a açorda até estar pronta. Sirva com o peixe frito e uma salada de tomate.
Pessoalmente não gosto de temperar este peixe com mais nada além de sal porque gosto de sentir o sabor do próprio peixe, mas podem temperar com sumo de limão, ou até alho, antes da fritura.

Nota: se o peixe não trouxer muitas ovas, compre mais, mesmo que sejam de pescada ou bacalhau, também são boas.
Nota 2: ao comprar o peixe, certifique-se de que tem a mancha escura que podem ver na foto, isso significa que é mesmo peixe galo.

2 comentários:

  1. Não conhecia este peixe, mas fiquei curiosa com o facto de só ter a espinha do meio. Vou estar mais atenta. Resultou um prato bastante saboroso, tenho a certeza. E essa açorda de ovas, deve ser deliciosa. beijinhos

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Experimenta, pois é um peixe delicioso e de carne muito branca.
      Bjs!
      Susana

      Excluir