quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Bolo de abóbora, sultanas e rum # Três anos de paparocas!



O blog faz hoje 3 anos. Como já tenho dito várias vezes, lancei-me neste projeto por ter sido muito incentivada por alguns amigos, pelo meu sobrinho e pelo meu marido. Foram estas pessoas que me deram força e insistiram para que eu passasse a partilhar o que faço na cozinha. Estas são algumas das pessoas que mais gostam do que eu cozinho. E eu gosto muito de cozinhar para todas elas. É com estes amigos e familiares que me sinto feliz em partilhar petiscos e risadas à mesa, é para eles que gosto de fazer miminhos pelos aniversário, surpresas para levar para as festas ou jantaradas que fazemos juntos, bolos para os anos dos miúdos crianças e tudo o que possa gerar um sorriso.
Algum tempo depois da ideia, veio a ação. Foi num sábado à noite, sozinha em casa, sem nada de especial para fazer. Resolvi, então, criar algo que pudesse ser especial. Não sei se o é para os outros mas, para mim, é importante. É um projeto maravilhoso pela criatividade que encerra, generoso pela partilha que implica, motivador pelo compromisso pois, apesar de nem sempre haver muito tempo ou até poder aparecer alguma preguiça, sinto-me sempre responsável por partilhar mais uma receita, mais uma dica, mais uma ideia... Até porque agora, ou melhor, de há 3 anos a esta parte, a partilha já não é apenas com os que se sentam à minha mesa, mas também com todos os que estão "desse lado". Vocês, os que leem, seguem, partilham e opinam sobre as minhas receitas. Cada comentário, crítica ou sugestão é o retorno do trabalho e é o que dá sentido a esta partilha.
Hoje foi um dia de trabalho grande, como têm sido quase todos... e ainda bem. O tempo não foi muito, mas foi o suficiente para apagar a vela dos 3 anos e fazer um jantar que, apesar de tardio, foi bom, na companhia do meu marido, que é sempre a minha maior ajuda nestas coisas. Ele não cozinha, mas prova e arruma no fim (sim, a parte mais suja tinha que ficar para alguém!). O Juca, o cãozinho da família, também esteve à mesa a cantar os parabéns e também queria bolo, mas não teve sorte ;)
Já vocês, têm direito à receita! Assim poderão reproduzir o bolo ou inspirar-se para criar outro para quem vocês mais amam e levar um gostinho da Deliciosa Paparoca para vossa casa, para a vossa família, para as vossas partilhas, encontros e reencontros. Não deixem de criar, de estar à mesa e de partilhar. É algo tão social, tão amoroso e tão cúmplice. Não há nada mais emocionante do que a criação. E, se o músico cria com notas e sons e o escritor com letras, o cozinheiro criar com amor. Os alimentos são apenas peças comestíveis que o cozinheiro esculpe e mistura para demonstrar afeto.

Ingredientes:
240 gr de abóbora crua ralada
75  gr de sultanas douradas
60 ml de rum
150 gr de açúcar
125 ml de azeite de boa qualidade
1 colher de chá de aroma de baunilha
3 ovos
250 gr de farinha de trigo integral 
Meia colher de chá de noz moscada
Meia colher de chá de fermento em pó
Meia colher de chá de bicarbonato de sódio

Para o creme: 250 ge de mascarpone +3 colheres de sopa de mel

Preparação:
Rale a abóbora e disponha-a numa camada dupla de papel absorvente para retirar a humidade excessiva. Deite as sultanas num pequeno tacho com o rum, deixe ferver, reduza o lume e deixe cozinhar por 3 minutos.
Junte o açúcar e o azeite e bate com a batedeira. Junte o aroma de baunilha e depois os ovos um a um, batendo bem na velocidade máxima para a massa crescer um pouco. Bati com a vara de bolos e cremes, não com a de arames. Depois de estar bem batido, envolva a farinha, o fermento, o bicarbonato, a noz moscada, as sultanas e a abóbora. Deite numa forma de 23 cm untada e leve a forno pré-aquecido a 180º durante 30 a 40 minutos, conforme o queira mais ou menos húmido.
Desenforme e deixe arrefecer antes de o rechear. Para fazer o creme bata muito bem o queijo ricotta com o mel. Utilize metade para rechear o bolo e a outra metade para pôr por cima.

Notas:
- Desta vez achei que o bolo esteve uns 5 minutos a mais de forno, 30 minutos são suficientes, se tiver um forno potente e pretender um bolo húmido.
- Este bolo foi inspirado numa receita da Nigella Lawson, no original com cenoura e farinha de amêndoa, eu alterei e fiz à minha maneira com os ingredientes que tinha em casa. O resultado foi um bolo de outono maravilhoso. E até é razoavelmente saudável, pois é integral e tem a abóbora, que lhe dá humidade, deixando-o muito suculento.

Bom apetite! Comam bem e de forma saudável!

14 comentários:

  1. Belo bolo.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. O bolo é simples, mas é muito saboroso.
      Beijinhos.
      Susana

      Excluir
  3. Minha querida, muitos parabéns por estes 3anos! Muitos mais virão! Vou levar a receita pois nunca usei abóbora crua em bolos, uso sempre já cozida por isso agora fiquei curiosa! Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A abóbora crua acaba por deitar menos água e não te esqueças de a secar bem num papel absorvente. Funciona como aqueles bolos que levam courgette ou beterraba ralada.
      Obrigada pelos votos de parabéns :) Beijinhos!

      Excluir
  4. Muitos parabéns Susana!
    Sabes que adoro o teu cantinho, sempre que posso dou cá um pulo! :)
    Que bom que arranjas sempre um tempinho para dares um saltinho por cá e partilhares as tuas iguarias! Se tivesse que descrever as tuas receitas numa só palavra, escolheria originalidade sem qualquer dúvida!
    Parabéns pelo teu projecto e que venham muitos mais aninhos!
    Um grande beijinho
    www.petiscana.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, muito obrigada mesmo pelas tuas palavras. És uma seguidora muito querida e isso nem sequer tem a ver com o facto de também teres um blog de culinária, mas sim porque se vê que és sincera nos teus comentários. Continua a passar por cá, obrigada! Beijinhos
      Susana

      Excluir
  5. Três anos?!?!? Já?!?!?!
    Muitos parabéns e sucesso!
    Beijinho.

    ResponderExcluir
  6. Três anos é muito tempo! e representa muita loiça lavada! ;-)
    Parabéns à cozinheira e estarei sempre disponível para ser o (primeiro!) provador de serviço!

    ResponderExcluir
  7. Antes de mais parabéns pelos 3 anos! Quanto ao bolo ficou lindo e certamente delicioso. Gostei da receita.

    http://maisdocequesalgado.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pelos 3 anos, é muito tempo traduzido em muito boas receitas e dicas! Acho que um blog representa, como dizes, uma espécie de compromisso da parte de quem o escreve, senti-mo-nos responsáveis por publicar sugestões novas e interessantes. O contorno compensa todo o trabalho! :)
    Adorei o bolinho, ficou simplesmente lindo :D

    ResponderExcluir