sexta-feira, 24 de julho de 2015

Pudim de mandarina



A mandarina é um citrino bastante doce, do género das clementinas, mas maior. Pessoalmente eu gosto e achei que este aroma ficava bem num pudim, pois dar-lhe-ia alma sem ficar demasiado ácido. No entanto pode substituir o sumo de mandarina por sumo de tangerina ou laranja.
O resultado final desta experiência foi mesmo bom e o pudim foi partilhado num jantar com o nosso sobrinho. Mais um mimo da tia antes de mais uma aventura além fronteiras do sobrinho.

Ingredientes:
6 gemas + 2 ovos inteiros
Meio litro de leite meio gordo
200 gr de açúcar
Sumo de 2 mandarinas
2 colheres de sopa de amido de milho (farinha maizena)
Caramelo líquido para untar a forma

Preparação:
Bata os ovos com as gemas e o açúcar com uma vara de arames manual durante 8 minutos. Quando a mistura estiver mais clara, esprema o sumo das mandarinas à parte. Nesse sumo desfaça toda a maizena até ficar sem grumos e junte esta mistura ao preparado dos ovos. Por fim junte o leite morno em fio. Misture tudo e deite numa forma de pudim untada com caramelo líquido.
Leve ao forno em banho maria (1 a 2 dedos de água num tabuleiro e a forma lá dentro destapada). Deixe no forno a 190ºC durante 50 minutos. Desligue no fim do tempo e deixe o pudim dentro do forno cerca de 20 minutos, depois deixe acabar de arrefecer cá fora. Desenforme só depois de frio. Eu até gosto de fazer os pudins de véspera, guardar no frio e desenformar só na altura de servir.

Bom apetite!

Um comentário: