sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Paella de peixe e bivalves



Gosto muito da gastronomia espanhola e como muito bem sempre que vou a Espanha. Seja num bar de tapas ou bocadillos ou num restaurante  mais formal, em Espanha come-se normalmente bem e come-se qualquer coisa a qualquer hora do dia. É fantástico! Eu até tenho a sensação de que os espanhóis estão sempre a comer e pouco mais fazem, para dizer a verdade... E isto não serve para os chamar de preguiçosos, mas sim de grandes garfos!
Barcelona talvez tenha sido a cidade espanhola onde comi melhor, mas degustei sempre grandes petiscos em todos os locais por onde passei no território aqui ao lado. A Galiza também é um excelente "spot" de comidinha boa ;) Seja onde for, o meu marido perde-se sempre pelo mesmo: "crema catalana", ou seja o leite creme dos vizinhos. Eu perco-me mais nos salgados e, desta vez, trago-vos uma proposta de um prato espanhol, mas interpretado pela receita de uma neo zelandesa, a espetacular Annabel Langbein, de quem sou absolutamente fã. Podem ver o programa dela no canal 24 Kitchen.

Ingredientes para uma paella para 6 pessoas:
2 cebolas
3 dentes de alho
2 pimentos vermelhos
Meio chouriço de carne de boa qualidade
1 dl de azeite
Açafrão (2 colheres de chá de açafrão em pó de boa qualidade)
6 tomates médios maduros
1 colher de chá de páprica (usei da "normal" e um pouco de uma picante que trouxe da Hungria, mas penso que também se encontra cá)
Sal qb
6 chávenas de água
2 folhas de louro
2 chávenas de arroz (carolino para risotto, desta vez usei para risotto)
1kg de peixe (tamboril ou qualquer outro de carne densa, usei garoupa)
12 Mexilhões com concha
6 Caranguejos (substitui por ameijoas, usem a quantidade adequada para o número de pessoas que têm a comer, eu usei 1 kg)
2 colheres de sopa de vinho xerez
Salsa picada qb (umas 3 colheres de sopa cheias)
Preparação:
Comece por picar duas cebolas e três dentes de alho grandes, tudo bem fininho. Corte os dois pimentos vermelhos e algumas fatias de chouriço. Utilize uma panela de paella ou qualquer frigideira grande e rasa. Coloque o azeite na frigideira, o bastante para cobrir toda a base. Adicione os ingredientes picados e deixe cozinhar por oito minutos até que a cebola e o pimento comecem a amolecer. Coloque uma boa pitada de açafrão num copo com água quente para que liberte a cor e aroma e adicione isto à frigideira. Pique seis tomates médios, junte e mexa os ingredientes. Em seguida, adicione uma colher de chá de paprica e o sal. Coloque ainda a água e duas folhas de louro. Quando a água ferver, junte o arroz e deixe cozer com a frigideira destapada até o arroz estar "no ponto" e ter absorvido a água, deixando apenas algum molho grosso para ficar cremoso se gostarem. Há versões de paella mais secas, mas eu gosto assim, como podem ver na foto. Dez minutos depois de ter iniciado a cozedura do arroz, junte o peixe e, 5 minutos, depois junte o marisco. Antes de servir, e já depois de cozido o arroz, espalhe duas colheres de sopa de xerez e salsinha picada.

Nota: reproduzi a receita original, mas eu não usei o chouriço porque preferi manter o sabor só do peixe e também não adicionei pimento porque o meu marido não come pimentos. Em vez de caranguejos, optei por ameijoas, pelo que ficou uma cataplana de bivalves e peixe. Mas, afinal, pode ser feita com o que quisermos. Bom apetite!



Nenhum comentário:

Postar um comentário